Se você acredita nesta campanha, por favor faça sua contribuição

Marisa Monte apoia a Campanha Segunda Sem Carne

Veja mais sobre Quem Apoia
Publicado em 23 de agosto de 2011

Marisa Monte apoia a Campanha Segunda Sem Carne

Cantora, compositora e produtora, Marisa Monte é uma das mais bem sucedidas artistas de sua geração. Sua carreira única se consolidou nos últimos vinte anos tornando-a uma das mais fortes expressões da música brasileira no Brasil e no exterior.

Em 1999 fundou o selo Phonomotor onde produziu e lançou os CDs da Velha Guarda da Portela, Argemiro Patrocínio,Tribalistas além de seus próprios trabalhos.

Em 2008 estreou como produtora de cinema com o longa “O Mistério do Samba” sobre a Velha Guarda da Portela.

Ganhadora dos principais prêmios de música no Brasil, três vezes do Grammy Latino.

Vendeu 12 milhões de CDs e 1,1 milhão de DVDs em todo o mundo.

Em sua carreira já colaborou com artistas de diversas nacionalidades como Cesaria Évora, Julieta Venegas, David Byrne, Phillip Glass entre outros.

A campanha Segunda sem Carne objetiva incentivar as pessoas a deixar de consumir carne, ao menos, uma vez por semana, tendo assim benefícios para sua saúde e a saúde do planeta. Ao diminuir o consumo de carne reduzimos, ao mesmo tempo, o desperdício de água, o desmatamento, a desertificação, a extinção de espécies, a destruição de habitats e até de biomas inteiros. De quebra, ainda ajudamos a diminuir o rebanho bovino e sua emissão de metano – poderoso agente de efeito estufa.

67% dos animais criados para virar comida são criados em granjas “industriais”. Granjas industriais são fontes de crueldade e desperdício em escalas inimagináveis para a maioria de nós. Nelas são criados animais que ganham peso rapidamente por meio de uma alimentação não-saudável com alto teor protéico. Os animais vivem amontoados, estressados e, muitas vezes, em condições higiênicas insalubres.

A Campanha é também um convite a repensar nossa alimentação cotidiana, muitas vezes pobre em nutrientes pelo simples desconhecimento da variedade de hortaliças e verduras disponíveis. O consumo de comidas prontas, fast food ou similares, facilitou a vida altamente urbanizada dos grandes centros, diminuindo o tempo gasto com a alimentação. Mas o preço é alto e se reflete em nossa saúde e também nas experiências de sabor que perdemos.

Volte para Quem Apoia